quarta-feira, outubro 15, 2008

A mulher dos meus sonhos...

A mulher dos meus sonhos
Não é aquela de medidas perfeitas
Nem aquela que ao caminhar se senta nas estrelas
Muito menos aquela que se sente uma estrela de telenovela
Não quero mulheres fúteis, e de coração gelado ou petrificado

A mulher dos meus sonhos,
Não é aquela que possui mais pérolas e diamantes
Nem aquela que tem mais dinheiro numa conta nem cheques para os seus devaneios
Nem aquela que já viajou por todo o mundo e conhece muitos lugares.
Não quero mulheres falsas que perdem o que têm de melhor nos seus lares.

A mulher dos meus sonhos…
Não é aquela que anda por todos os bares
Não é aquela que despreza todos os seres
Nem aquela que se escuta a si própria dizendo frases feitas
Não quero mulheres passageiras que ao primeiro problema fogem em busca de novos mares.

A mulher dos meus sonhos é simples e normal.
Não pára de sorrir e vê o lado bom da vida e aceita-o.
Não se cala quando algo a perturba
Fala frontalmente mesmo que isso possa doer.
Quero uma mulher com um coração enorme e com fantasias.

A mulher dos meus sonhos possui um olhar terno
De andar elegante sem ter de ser arrogante
Gosta de música e não tem medo de cantar, mesmo que cante desafinada.
Sorri por amor ao cozinhar para ela e prova o café antes de mim.

A mulher dos meus sonhos tem um coração gigante.
Dá-me um beijo todas as manhãs e aconchega-me em todas as noites de frio.
Entrega-se ao amor sem reservas e tenta sempre conquistar-me.

A mulher dos meus sonhos… creio que és tu e vou deixar-te fugir.
A mulher dos meus sonhos… és tu e vou-te desiludir…
porque o homem dos teus sonhos… não sou eu.

2 comentários:

Sophia disse...

Linda poesia.

Darkann disse...

engraçado como escreveria esse poema trocando apenas duas palavras: mulher e homem.

continuo a visitar-te e a gostar do que escreves.

keep on